SUPPLY CHAIN 4.0

A era digital veio para ficar. A prova disso é que já estamos discutindo e questionando se seremos ou não substituídos por robôs.

Fonte: Google

Acredito que isso não irá ocorrer. O ser humano tem capacidades que os robôs não têm, como por exemplo, emoções, autonomia, criar uma transformação e ser estratégico. Assim, nós profissionais de Suprimentos, devemos valorizar essas capacidades humanas e sempre utilizarmos a Tecnologia a nosso favor, com o objetivo de gerar valor para a empresa.



É necessário compreender que a implementação da Transformação Tecnológica, tem um papel cada vez mais importante na Cadeia de Suprimentos, pois com ela conseguimos automatizar e talvez até eliminar processos que não geram valor agregado para o negócio.

Fonte: Festo

Como começar uma Transformação Tecnológica?


É muito importante fazer uma revisão dos processos da Cadeia de Suprimentos, para identificar quais são as reais necessidades da organização e como podemos utilizar a Tecnologia para solucionar problemas, visando reduzir custos e otimizar processos.

Acredito que a existência de autonomia para os stakeholders na tomada de decisão, principalmente para os clientes internos e fornecedores, é fundamental para que a Transformação Tecnológica tenha sucesso. São eles que podem fornecer as melhores ideias de inovação e também são eles que vão avaliar o nível de satisfação dos resultados, após a implementação da Transformação Tecnológica.


Quais são as Tecnologias que podem ser utilizadas na Cadeia de Suprimentos?


iOT (Internet of Things ou Internet das Coisas)

O iOT é a implementação de sensores, chips, softwares e outras tecnologias em objetos físicos, que não necessariamente se utilizarão de uma conexão de internet. A principal finalidade dessa tecnologia é otimizar as interações desses objetos com as pessoas e/ou outros objetos.

A utilização do iOT pode ser facilmente identificada, por exemplo, nas entregas de um produto, através do uso de drones pelo iFood para realizá-las ou de GPS para monitorá-las.

Acredito que a utilização do iOT é interessante para pequenas e médias empresas, devido a eficácia da tecnologia e o custo de implementação não ser tão alto.


Tecnologia e Sustentabilidade

Algumas organizações estão adotando essa prática. Recentemente, as empresas Vale e Progress Rail desenvolveram a primeira locomotiva 100% elétrica do setor de mineração do Brasil. É o famoso conceito de Suprimentos: Make or Buy (Faça ou Compre).


Blockchain

Com a constante importância do Compliance e do Gerenciamento de Riscos para o cumprimento das normas da LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados), as empresas podem investir no Blockchain, uma tecnologia que surgiu para proteção de dados em transações de criptomoedas e que vem sendo utilizada em outras áreas de negócios, incluindo a Cadeia de Suprimentos. O Blockchain fornece confidencialidade nas informações das operações, através da criptografia para a segurança de dados.


RPA (Robotic Process Automation ou Processo de Automação Robótica)

O RPA é uma tecnologia que automatiza os processos, geralmente repetitivos, que antes só poderiam ser feitos com a intervenção humana.

O uso do RPA na Cadeia de Suprimentos possibilitará ao profissional de Suprimentos, focar nas tarefas mais importantes, ter mais motivação e produtividade, além de obter análises mais precisas e bem estruturadas para reduzir erros e custos do processo.

Um exemplo de RPA que está sendo muito utilizado na Cadeia de Suprimentos é o Chatbot, uma plataforma de atendimento ao cliente. Outro exemplo de RPA seria a utilização de robôs no processo de negociação e até fechamento de compras de baixo valor agregado, proporcionando ao profissional de Suprimentos, maior foco nas aquisições mais relevantes à missão do negócio.

A implementação do RPA vai depender do nível de maturidade da Cadeia de Suprimentos na empresa, porém por ser uma tecnologia que reduz custos, é interessante analisar se vale a pena o investimento, pois o valor da redução de custos pode superar o valor de investimento.


Big Data

É um processo de mineração e fornecimento de um grande volume de dados, através da utilização de algoritmos e que serão essenciais para a execução e melhoria dos processos.

Empresas de grande porte, como o Youtube, Facebook, Netflix e Amazon, utilizam o Big Data quando fazem sugestões aos seus usuários, com o objetivo de atender às suas necessidades. Outro exemplo de Big Data que está sendo muito utilizado pelas organizações é o Power BI, ferramenta de Inteligência de Negócios, que fornece informações importantes para a tomada de decisão.


Machine Learning (Aprendizagem Automatizada)

É um processo tecnológico que utiliza a Inteligência Artificial para que os computadores e/ou máquinas aprendam sem que sejam programados para tal ação.

Com o Machine Learning é possível identificar erros no processo e prever situações futuras. Um exemplo que se destaca é a utilização dessa tecnologia no controle de estoques, na qual a máquina identifica e calcula o quanto uma indústria vai precisar de um produto naquela determinada semana, fornece essas informações e sugere soluções para o profissional da Cadeia de Suprimentos.

Fonte: Live University

Como se transformar em um(a) Comprador(a) 4.0?


Algumas habilidades importantes para profissionais de Suprimentos do futuro:

- Conhecer profundamente sobre o negócio da sua empresa e do seu mercado de atuação;

- Gestão de Riscos e Compliance;

- Inteligência Emocional;

- Fluência em inglês e habilidade em um terceiro idioma;

- Conhecer o faturamento e gastos da sua organização;

- Interface com os stakeholders;

- Ter curiosidade e se capacitar continuamente;

- Habilidade de negociação e administração de conflitos;

- Conhecimentos em Tecnologias (IA, RPA, iOT, etc);

- Domínio de ferramentas estratégicas (11 forças, Análise SWOT, Matriz Kraljik, Análise de TCO, etc).


Prontos para a iniciar o Supply Chain 4.0?


Gustavo Oliveira

https://www.linkedin.com/in/gustavobdeoliveira/


131 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo